despacho 2 ddrNum encontro virtual organizado pelo Instituto para a Democracia Multipartidária (IMD) e que juntou representantes da sociedade civil, líderes religiosos, académicos e partidos políticos com representação parlamentar, os participantes mostraram preocupação com o facto da Junta Militar se mostrar pouco aberta ao dialogo e por não apresentar com clareza as reivindicações que levam a protagonizar ataques na zona centro do país.

junta militarpp1Os representantes das bancadas parlamentares da FRELIMO, RENAMO e MDM defenderam a necessidade de se encontrar mecanismos urgentes e pacíficos para se estabelecer diálogo com a autoproclamada Junta Militar, com vista a se buscar uma paz definitiva no país.
O posicionamento destes partidos foi manifestado recentemente num encontro virtual organizado pelo Instituto para Democracia Multipartidária (IMD) e descrevem os ataques armados supostamente protagonizados pela Junta Militar, na zona centro do país, como um entrave para o desenvolvimento socioeconómico e, sobretudo, para o sossego das populações naquele ponto do País.

osc grupo contacto junta militarOrganizações da Sociedade Civil (OSC), académicos, religiosos e partidos políticos defendem a necessidade de criação urgente de um grupo multissectorial de contacto com vista estabelecer um diálogo construtivo, com a autoproclamada Junta Militar, que está a protagonizar ataques armados na zona Centro do país, como mecanismo de busca de resoluções deste conflito que põe em causa a segurança das pessoas e o desenvolvimento económico em Moçambique.

estado de emergencia imd defende reforco da montoriaO Presidente da República, Filipe Nyusi, anunciou no último domingo, 28 de Junho, a prorrogação pela terceira vez do Estado de Emergência com vista a controlar a propagação da COVID_19 no país, mantendo a implementação das medidas do nível três. Subsequentemente, a Assembleia da República ratificou o documento nesta segunda-feira, 29 de Junho, por consenso entre as três bancadas parlamentares, nomeadamente, Frelimo, Renamo e MDM.

eduardo chizianeO académico moçambicano, Eduardo Chiziane, defendeu, recentemente, em Maputo, a necessidade de se aprovar de forma prioritária, o quadro legal sobre a descentralização, para reduzir a tensão entre o Governador Provincial e o Secretário de Estado na Província, bem como elevar a complementaridade, reforçando a repartição de competência entre aqueles Órgãos de Governação Descentralizada provincial.

Contacto

+258 843066565
Avenida Salvador Allende, Nrº 753

mapa

foreignaffairsfinlandnimddemofinlandidea footerosisa footerirish aid footeruniao europeiareino dos paises baixosembsuecia

Criação e implementação: DotCom